"Além dos sinais externos que denunciam - cabelos brancos, cabelo nenhum, rugas, barriga, essas indignidades - as gerações se reconhecem pelos jogadores de futebol que se têm na memória"

Luis Fernando Veríssimo

28 de mai de 2010

O Milagre de Fernandão


Nem o mais otimista dos são paulinos, nem os que mantêm a mais fervorosa fé no time poderiam imaginar que Fernandão fosse mudar tanto o futebol da equipe.
Há anos o São Paulo carece do famoso camisa 10, há anos a torcida abre as páginas de notícias todos os dias esperando ver a tão sonhada contratação de um craque para o meio campo. Como são paulino que sou, sei bem do que estou falando, apesar de estar longe também vivo tudo isso como qualquer torcedor.
Fernandão era sonho antigo do presidente Juvenal Juvêncio, por várias vezes o mandatário tricolor tentou sua contratação mas sempre havia algo que impedia o negócio de se concretizar.
Pois bem, depois de muitas tentativas Fernandão chegou, chegou e transformou completamente o futebol do São Paulo.
Muitos não acreditavam que Fernandão seria a solução para os problemas são paulinos, inclusive este blogueiro. Aliás pode até não ser mesmo, mas por enquanto tem feito toda a diferença.
Fernandão entrou e assumiu a posição de maestro do time, apesar do seu tamanho tem muita habilidade com a bola nos pés, joga de cabeça erguida, consciente. Tem uma qualidade incrível no passe, finaliza bem com os pés e com a cabeça, sabe se colocar muito bem dentro da área, oportunista, pode jogar no meio ou no ataque e tem muita experiência e espírito de liderança, com Rogério Ceni no gol e Fernandão no comando do ataque o São Paulo entra como um dos favoritos em qualquer campeonato. Com ele em campo o São Paulo está 100%, com ele em campo o São Paulo vem fazendo jogos perfeitos como contra o Cruzeiro na Libertadores, com ele em campo o São Paulo tem vencido grandes adversários com autoridade, com ele em campo o São Paulo vence e convence, com ele em campo o CAMPEÃO voltou.


Seja muito bem vindo Fernandão, o novo ídolo Tricolor !

Um comentário:

Claudio Henrique disse...

O cara realmente fez a diferença, mudou a postura do Tricolor do Morumbi. Nem o são-paulino mais otimista imaginaria que ele fosse render tanto.

Abraços