"Além dos sinais externos que denunciam - cabelos brancos, cabelo nenhum, rugas, barriga, essas indignidades - as gerações se reconhecem pelos jogadores de futebol que se têm na memória"

Luis Fernando Veríssimo

3 de jul de 2010

Hora de fazer as malas


Fim da história brasileira na África, Port Elizabeth foi a última parada.
Vimos dois jogos hoje, no primeiro jogou o Brasil e no segundo a Holanda, a diferença ?
A Holanda fez 2 gols no seu jogo enquanto o Brasil fez apenas 1.
Como pode um time mudar tanto de um tempo para o outro ?
Como pode Felipe Melo ser titular da seleção brasileira ?
Como pode um técnico tirar o artilheiro da equipe no momento em que o time mais precisa de um gol ?
Muitas perguntas que o técnico Dunga vai ter que se virar para responder quando chegar ao Brasil, quanto a Felipe Melo, eu no lugar dele nem voltava para casa.


Como o Brasil inteiro previu, menos o técnico Dunga, o volante que acha que joga muito mais do que realmente joga perdeu a cabeça e foi expulso quando o time mais precisava dele.

Agora vai começar a temporada de caça as bruxas, a cultura do futebol brasileiro exige que se apontem os culpados, afinal, alguém tem que pagar essa conta.
Os crucificados da vez serão Dunga e Felipe Melo mas todos tem sua parcela de culpa, hoje até o melhor goleiro do mundo falhou.
Futebol é um esporte coletivo, ganham 11, perdem 11.
A arrogância brasileira não dirá que a Holanda venceu o Brasil, dirá que o Brasil perdeu para si mesmo, para a falta de controle emocional completamente sem sentido do segundo tempo, em parte é verdade mas a Holanda soube explorar muito bem as fraquezes brasileiras, principalmente emocionais e aproveitou muito bem os espaços dados pela equipe de Dunga no segundo tempo.


Estou triste como todo brasileiro, agora serão mais quatro longos anos esperando por mais uma oportunidade de transformar o sonho do hexa em realidade, mas não posso deixar de citar o famoso EU AVISEI.
Desde bem antes da Copa coloquei a Holanda como minha favorita ao Mundial, venho postando a cada jogo que os holandeses são muito fortes e venho sendo criticado por isso.
Simplesmente 100% de aproveitamento nas Eliminatórias e na Copa até aqui.
A escola que sempre priorizou o futebol arte, responsável pela última grande revolução no futebol com o carrossel holandês prioriza agora a estrela que eles querem colocar no peito.


Saímos de cabeça erguida, não faltou raça a seleção brasileira, o esforço de Lucio desesperado no ataque no fim do jogo foi comovente.
As derrotas fazem parte do futebol, só nos resta saber onde erramos e aprender com os erros para não repeti-los em casa daqui à quatro anos.

Um comentário:

taira disse...

o pior nao e perder para a holanda no mata mata! acredite tem coisa pior;e virar motivo de piada de argentino,issu sim e pior!!! enfim eu por exemplo tenho mais de cem quilos e ainda fumo! cem modestia jogo melhor que aqueles caras la da selecao brasileira,e acerto mais passes tambem (k vergonha)