"Além dos sinais externos que denunciam - cabelos brancos, cabelo nenhum, rugas, barriga, essas indignidades - as gerações se reconhecem pelos jogadores de futebol que se têm na memória"

Luis Fernando Veríssimo

6 de set de 2010

"Pequena" análise do Brasileirão

Fim do primeiro turno do Brasileirão, hora de começar a saber quem é quem na tabela de classificação.
Para muitos o Brasileirão começa agora...




No meu modo de ver os times se dividem em 4 grupos: CONFIRMAÇÕES(positivas e negativas), DECEPÇÕES, SURPRESAS E FIGURANTES.

No grupo das confirmações estão, óbviamente, os clubes do alto da tabela: Fluminense, Corinthians, Santos, Internacional e Cruzeiro.
Com a qualidade dos elencos desses clubes não esperava nada diferente, surpreendente talvez apenas a "escapada" de Fluminense e Corinthians que abriram boa vantagem e travam um duelo particular.


Hoje o líder sofreu uma virada supreendente em campinas frente ao Guarani, já andei ouvindo um ou outro chamando o time de Muricy Ramalho de cavalo paraguaio, ledo engano, todos os clubes passam por uma oscilação em um campeonato tão longo e disputado, a diferença está no tempo que se demora para sair dela.
Destaque também para Santos e Internacional que tiveram que dividir suas atenções por quase todo o primeiro turno com outras competições e estão hoje em terceiro e quarto lugares respectivamente com o mesmo número de pontos, 31, campanha brilhante até aqui.
Dois clubes da parte debaixo da tabela também se encaixam nesse grupo: Atlético-GO e Prudente.
A qualidade dos times esse ano está mais alta, campeonato longo, clubes com menor poder de investimento como esses difícilmente "sobrevivem".

O grupo das decepções conta com clubes de todos os grandes centros do país: Grêmio, Atlético-MG, São Paulo, Flamengo, Palmeiras e Goiás.
De maneiras distintas é verdade, mas todos decepcionaram este blogueiro.

Apesar da bagunça extra campo o clube do Morumbi vinha razoavelmente bem antes da parada para a Copa, Copa essa que todos os são paulinos vão desejar esquecer já que o time parou para assistir o mundial e não voltou mais. As vitórias nas duas últimas rodadas do turno e o distanciamento da zona da degola trazem tranquilidade para a sequência da competição, hoje o time está a 6 pontos da zona da Libertadores, objetivo possível, mas como costumam gritar os torcedores, com o elenco que o São Paulo tem Libertadores é obrigação.

O Flamengo entrou neste grupo pura e simplesmente por ser o atual campeão brasileiro e não demonstrar força alguma para defender o título. Apesar disso não vejo crise na Gávea, hoje vejo um clube mais organizado(fora do campo) e que anda com os pés no chão e o nome disso é ZICO. O trabalho do galinho frente ao futebol rubro-negro é de longo prazo mas não tenho dúvidas que dará frutos dentro de campo em um futuro não muito distante.
Mesmo assim não custa nada apressar as estreias de Deivid e Diogo, afinal, o Z-4 é logo ali para quem está em décimo quarto na tabela.

O Goiás caminha a passos largos rumo a Série B, uma pena, depois de anos fazendo ótimas campanhas e até decidindo títulos indiretamente, o Esmeraldino parece não estar suportando a pequena(por enquanto) evolução do futebol brasileiro que aumentou a qualidade dos clubes e consequentemente a competitividade.

Não considero o Palmeiras uma decepção mas como também não se encaixa em nenhum dos outros grupos optei por este apenas pelo investimento feito no time. O Palmeiras é hoje um time em formação, não é algo que se faz da noite para o dia por isso não esperava grandes resultados imediatos. Um belo time com um ótimo técnico, apesar de achar que Felipão está escalando de forma errada(três zagueiros e três volantes é de matar). Mas é apenas o início de um trabalho, há jogadores contratados que ainda não estão na forma física ideal, enfim, a longo prazo esse time vai dar alegrias aos palmeirenses.

As grandes decepções são mesmo Grêmio e Atlético-MG. O clube gaúcho é outro que não voltou da parada para a Copa, no papel tem time para brigar pelo título, no campo, hoje, a realidade do time é a fuga do rebaixamento.
O Galo contratou grande nomes, para o campo e para o banco, foi considerado o clube com melhor infraestrutura do Brasil e se o campeonato acabasse hoje estaria rebaixado. O nome disso ? Futebol.


Dois clubes começaram o campeonato como grandes surpresas e até mesmo sensações, Ceará e Avaí.
Cravei que um dos dois estaria na Libertadores do ano que vem e vou manter o palpite mesmo com a rescente queda de ambos. Apesar da perda de pontos em casa nas últimas rodadas acredito no poder da Ressacada e do Castelão.
Hoje a grande surpresa do campeonato é o Botafogo. Mesmo sendo um grande clube do futebol brasileiro quem apostaria no Fogão no início do turno ? Podem falar o que quiserem do Homem da Prancheta, mas o futebolzinho arroz-com-feijão de Joel Santana tem lá seus resultados práticos.

Figurantes nada mais são do que aqueles clubes que não terão força para brigarem por algo maior mas também não passarão sufoco com o rebaixamento. A turma da zona da marola conta com Vitória, Guarani, Vasco e Atlético-PR.

Apesar da proximidade com o Z-4 não acredito que o Vitória passe sufoco, o vice-campeão da Copa do Brasil deve beliscar uma vaguinha na Copa Sul-americana.
O Furacão deu uma bela arrancada e está na porta do G-4 que agora é G-6 e pode virar G-5, enfim, mas não acredito que tenha força para brigar por Libertadores. O mesmo para Vasco e Guarani.
Para o time de campinas continuar na Série A já é lucro e o Gigante da Colina tem um bom time, mas a exemplo de Atlético-PR não acho que tenha forças para algo maior na competição.


Enfim, essa é apenas a visão deste blogueiro da tabela do Brasileirão depois de 19 rodadas, mas "prever" futebol é uma tarefa ingrata, a única coisa que eu garanto é que não faltará emoção e...




E você, concorda ? não concorda ? comente. Cornete este blogueiro à vontade.


OBS: A rodada deste fim de semana marcou a despedida temporária do Maracanã que entrará em obras para a Copa de 2014.  E no placar eletrônico...


Muito bom !

2 comentários:

Cleber Soares disse...

E ai Luciano, blz.
Eu não acredito que as coisas vão mudar muito nesse segundo turno, com certeza teremos algumas surpresas, mas nada muito diferente que foi o primeiro turno.....
Sera que o colelho tricolor vai virar cavalo paraguaio????

BLOG DO CLEBER SOARES
www.clebersoares.blogspot.com

Flávio Santos disse...

Luciano,
Eu discordo apenas em relação ao Palmeiras. O time palmeirense é fraco. Danilo, Pierre e Maurício Ramos são jogadores limitados. Valdívia e Kléber, apesar de badalação, não passam de medianos; que o diga a ausência de títulos no currículo de ambos.
No mais, concordo contigo!