"Além dos sinais externos que denunciam - cabelos brancos, cabelo nenhum, rugas, barriga, essas indignidades - as gerações se reconhecem pelos jogadores de futebol que se têm na memória"

Luis Fernando Veríssimo

31 de out de 2010

Giro pelo mundo

Clássicos, goleadas e lances inusitados marcaram o sábado de futebol pelo mundo.

Pela Premier League o Chelsea venceu de virada com um gol nos minutos finais e manteve a vantagem na ponta da tabela.



O Manchester United venceu o Tottenham por 2x0 no Old Trafford, com uma "mãozinha" do goleiro Gomes.



O Arsenal venceu o West Ham em casa pelo placar mínimo. Com o resultado, os Gunners chegaram a vice liderança da competição.



Em um jogo onde a técnica ficou em segundo plano, o Juventus venceu o Milan em pleno San Siro e se aproximou do pelotão da frente na tabela do campeonato italiano.



No outro jogo do dia, o Roma venceu o Lecce e deu um salto de sete posições na tabela.



Pelo campeonato espanhol, Cristiano Ronaldo e Messi continuam sobrando, prelúdio de um encontro espetacular.





Pela Bundesliga, vitórias de Wolfsburg, do garçom Diego, e Bayer Leverkusen e tropeço do Werder Bremen jogando em casa.






30 de out de 2010

Os convocados


Mano Menezes já havia dito que manteria a base que vem sendo convocada para o jogo diante da Argentina, segundo o técnico da seleção é necessário ver como esse jovem time do Brasil vai se comportar diante de um adversário forte como nossos hermanos, no que Mano tem total razão.

Embora a base tenha sido mantida, algumas novidades apareceram, como Douglas(Grêmio), Jucilei(Corinthians) e a maior delas claro, a volta de Ronaldinho Gaúcho.
Confesso que estou bem curioso para ver como Mano vai montar a seleção com Gaúcho, Robinho, Neymar e Pato(se é que todos jogarão juntos). Desta forma a seleção iria a campo extremamente ofensiva, com quatro jogadores que praticamente não marcam mais dois laterais que apóiam muito.


Em relação as convocações de Douglas e Jucilei, o primeiro é um belíssimo jogador e como o maior problema da seleção tem sido a criatividade no meio campo, a aposta é válida. Já o segundo, bom, aposta por aposta, eu levaria Henrique(Cruzeiro).
O curioso é que enquanto procuramos alguém que resolva nosso problema de criatividade no meio, os dois maiores craques do Brasileirão nesse setor são justamente argentinos e sequer serão convocados. Será que eles não querem se naturalizar ? Já imaginaram, o craque da camisa 10 do Brasil um hermano naturalizado ?

Outra "novidade" da lista ao meu ver foi a ausência de Nilmar, que vem jogando muito no campeonato espanhol pela Villarreal, brigando inclusive pela artilharia do torneio, mas vejo isso como um jogador que não precisa mais ser visto ou testado. Apesar da pouca idade é um veterano na seleção e Mano já sabe o que esperar dele.

Mesmo com o pouco tempo de trabalho, já é possível notar claramente a espinha dorsal deste time, jogadores como Thiago Silva, Daniel Alves, André Santos, Lucas, Ramires e Pato parecem ter tomado conta de suas posições e difícilmente deixarão o time. Lucas tem sido o principal jogador desta era Mano Menezes, fazendo a transição da defesa para o ataque com muita eficiência, praticamente todas as jogadas passam pelos seus pés.
Resta saber o que Mano fará quando a tal "saudade da seleção" bater nos medalhões com quem Mano foi conversar pessoalmente na Europa.

Por hora acredito que o Brasil vai muito bem servido para o duelo com Messi, Tevez e cia, só é uma lástima Paulo Henrique Ganso estar fora de combate.

Time ideal ?


Com essa formação o São Paulo voltou do intervalo na vitória diante do Atlético-PR por 2x1 nesta quinta-feira.

Paulo Cesar Carpegiani é mais um treinador que está fazendo esse blogueiro pagar a língua neste campeonato. O time do São Paulo sob seu comando é outro, joga um futebol objetivo, parte para cima do adversário com a bola no chão, priorizando sempre o ataque, por consequência deixa espaços atrás, mas sem dúvida é a forma como todo torcedor gosta e deseja ver seu time jogar.

Ao meu ver essa é a formação ideal para o Tricolor, faria apenas algumas substituições nas peças usadas.
Sacaria Rodrigo Souto do time deslocando Jean para a meia e colocando Ilsinho na lateral direita, além de Lucas no lugar de Fernandão. Outro que deixaria o time seria Richarlyson, esse aliás tem sido o único erro de Carpegiani, as improvisações continuam e não são por necessidade visto que o São Paulo conta com dois laterais esquerdos de ofício no elenco, Diogo e Carleto. Carlinhos Paraíba vem bem jogando de segundo volante, melhora muito a qualidade na saída de bola, merece a vaga no time titular.

Mas muito mais importante do que a transformação no futebol feita graças a nova filosofia de trabalho de Carpegiani, de um futebol mais ofensivo como há tempos não se via no Morumbi, é o resgate da confiança dos jogadores e do orgulho dos torcedores, que andavam envergonhados do seu time.

A transformação foi feita, resta saber se foi feita há tempo.

29 de out de 2010

Né pour jouer au football

Filhos de pais argelinos, criado em solo francês cujo melhor amigo é a bola.

Não, não se trata de Zinedine Zidane, embora esteja sendo comparado com o gênio francês.

Trata-se de Madin Koroghli, uma jóia de apenas 8 anos de idade.



O controle de bola lembra alguém ?



Parece que a frase que estampa a camisa da seleção brasileira, "Nascido para jogar futebol", não é válida só por essas bandas.

27 de out de 2010

E o melhor do mundo é...

Divulgada a lista dos 23 indicados ao prêmio de melhor jogador do mundo de 2010.
Esse é um ano diferente, ano de Copa do Mundo, e o desempenho na competição mais importante do futebol mundial pode fazer toda a diferença.

Apenas três brasileiros na lista, mas nenhum tem chance de aparecer sequer entre os três finalistas.
Julio César e Maicon, pela brilhante temporada do Inter de Milão, e Daniel Alves que vem jogando muito no Barcelona.

Como não poderia ser diferente, os espanhóis (campeões mundiais) e alemães (melhor futebol da Copa) dominaram a lista com 7 e 5 representantes respectivamente. Iniesta, David Villa, Xavi Hernandez, Xavi Alonso, Iker Casillas, Carlos Puyol e Cesc Fábregas pela Espanha e Miroslav Klose, Philipp Lahm, Thomas Müller, Mesut Özil e Bastian Schweinsteiger pela Alemanha.

Entendo que QUASE todos os citados merecem. Puyol, Klose ou Lahm como melhor jogador do mundo ? Menos, bem menos.

A lista conta ainda com grandes craques como Didier Drogba, Samuel Eto'o e Cristiano Ronaldo que dispensam apresentações e até fizeram boa temporada, mas fracassaram no Mundial. Não acredito que fiquem nem entre os três.

Outro que apareceu na lista foi Diego Forlán, considerado o melhor jogador da Copa, merece estar entre os três finalistas na humilde e polêmica opinião deste blogueiro, mas apenas entre os três finalistas, porque o jogador que merece o status de melhor do mundo nesta temporada não é Diego Forlán, não é espanhol e nem alemão...

 
...o melhor jogador do mundo de 2010 atende pelo nome de Wesley Sneijder, pura e simplesmente por ter vencido tudo que disputou com o Inter de Milão e ter feito uma grande Copa do Mundo. Craque.

Minha torcida é para que os finalistas sejam Diego Forlán, Andrés Iniesta e Wesley Sneijder. Terceiro, segundo e primeiro respectivamente.

E para você ? Quem merece o prêmio de melhor jogador do mundo em 2010 ?

26 de out de 2010

Grand Prix de Futsal

Graças ao PFC internacional, pude acompanhar o jogão entre Brasil x Espanha pela final do Grand Prix de futsal.

Jogo sensacional, digno do que hoje são as duas melhores seleções de futsal do mundo.
Infelizmente a Espanha consagrou o ano espetacular do futebol nacional vencendo em pleno ginásio Newton de Faria, acabando com a hegemonia brasileira no Grand Prix.

Mas ao fim da partida, ficou a sensação de que o Brasil perdeu para a própria ansiedade e nervosismo, o time brasileiro cometeu erros bobos no primeiro tempo e pagou caro por isso.

O futsal espanhol continua espetacular, o mundial que se aproxima promete muito.

Mas para não dizer que os brasileiros não fizeram festa, ao menos um pode comemorar bastante. O brasileiro, naturalizado espanhol, conhecido como alemão (joga demais) pode fazer a festa "em casa".

Medo ?

"Mourinho é o melhor treinador do mundo"
Pep Guardiola

Há algumas semanas atrás, pouco antes do início da temporada europeia, jornais flagraram o treinador do Barcelona, Pep Guardiola, do alto da sua prepotência, dando de ombros para a mão estendida do treinador merengue José Mourinho.

Algumas semanas depois, com um Real Madrid surgindo no horizonte catalão ameaçador como há tempos não se via, ele resolve "deixar a rivalidade de lado" e rasgar a seda ao português ?

Patético.

Alguém anotou a placa ?

"Clássico é clássico, não tem favorito" quantas vezes você já ouviu essa expressão ?
Concordo plenamente com essa afirmação, e justamente por essa razão, clássicos são sempre imprevisíveis, capazes de ressucitar ou levar ao calvário.

Enquanto apreciávamos a rodada de clássicos do Brasileirão, o imponderável , o inimaginável, apareceu em um clássico europeu.

PSV EINDHOVEN x FEYENOORD, clássico tradicional do futebol holandês, não percam a conta...



Fico imaginando se isso acontece em um GRENAL ou um FLA-FLU...

23 de out de 2010

Cruyff x Zidane

Embora com mais de 20 anos de diferença, ambos desfilaram pelos gramados do mundo uma técnica que difícilmente veremos denovo.

Johan Cruyff - Amsterdã - 25 de abril de 1947
Johan Cruyff, gênio, representação do que até hoje chamamos de "futebol total", responsável pela última grande revolução do futebol mundial.
Até mesmo quem não acompanha futebol mais de perto ao menos já ouviu falar da "Laranja" que encantou o mundo na Copa de 1974.
Se hoje os treinadores podem contar com os chamados jogadores polivalentes, devem ao gênio que vestia a camisa 14 dos Países Baixos.
Cruyff não tinha posição fixa, apesar de ser atacante de origem, jogava em qualquer posição sem perder 0,01% do seu rendimento.
Dono de uma agilidade incrível, desconcertava a marcação com dribles curtos muito rápidos. Sua velocidade não se restringia apenas ao físico, Cruyff estava sempre dois pensamentos à frente dos adversários, passava como um fantasma até mesmo pela marcação mais forte que tinha intenção de pará-lo com falta.
Jogou apenas uma Copa do Mundo, a da Alemanha Ocidental em 1974, sendo vice-campeão, derrotado pelos anfitriões, no que foi talvez o resultado mais "injusto" já visto no futebol mundial.

Zinedine Zidane - Marselha - 23 de junho de 1972
Uma criatividade sem limites, um controle de bola surreal, movimentos e toques precisos, Zinedine Zidane impressionava até mesmo os companheiros.
Diferentemente de Cruyff, que jogava de forma vertical em direção ao gol, Zidane tinha milhões de caminhos para chegar à meta adversária. Maestro, seu repertório de jogadas era ilimitado.
Zizou tinha estilo, jogava com classe, elegância, passava a impressão de estar em câmera lenta, flutuando em campo.
Autor do pênalti mais ousado da história das Copas. Diante do então melhor goleiro do mundo, Gianluigi Buffon, Zidane bateu com cavadinha em plena FINAL de Copa do Mundo.
Campeão do mundo em 1998, Zidane encerrou sua participação em Copas com 12 partidas e 5 gols.

Um fez história no Barcelona, o outro no rival Real Madrid, mas ambos lideraram suas nações em seus capítulos mais gloriosos.

Agora deixo a pergunta, quem foi o maior ? Não vale ficar em cima do muro !

Opinião do Blogueiro - Zinedine Zidane

22 de out de 2010

Giro pelo Mundo[Champions League]

E no complemento da rodada da Champions...

Grupo D

Com dois gols de Messi, o Barcelona assumiu a liderança do grupo ao vencer Copenhage no Camp Nou.



Grupo C

Nani, com um golaço, deu a vitória e a liderança do grupo aos Diabos Vermelhos. Tá jogando demais o português.



Grupo A

Em jogo bem movimentado, o Inter de Milão venceu o Tottenham por 4x3 no Giuseppe Meazza.
Mais 5 minutos de jogo e o jovem Gareth Bale, canhoto do time inglês, faria história !



Grupo B

O Lyon venceu o Benfica, chegou a liderança do grupo e ficou próximo da vaga. Já os portugueses caíram para terceiro do grupo.



Pela rodada da Liga Europa, os brasileiros brilharam por todo o mundo.

Pelo grupo L, Hulk fez dois na vitória do Porto sobre o Besiktas em Istambul.


O "meio" brasileiro, Liedson também fez dois na goleada dos Leões sobre o Gent, pelo grupo C.


Taison, ex -Internacional, e Claiton Xavier, ex-Palmeiras, também brilharam na vitória do Metalist sobre o Sampdoria, em jogo válido pelo grupo I.




20 de out de 2010

Morrendo pela boca

É incrível como pessoas do meio futebolístico perdem a oportunidade de ficarem caladas.
É tanto tiro no pé que a partir de hoje estou lançando uma nova "seção" digamos assim no De Olho no Lance, o "Morrendo pela Boca".

O "Morrendo pela boca" trará as pérolas que somos obrigados a ouvir durante o dia-a-dia do futebol.

Para a estreia, os ilustres colaboradores são:

 
Emerson, vulgo Sheik, atacante do Fluminense que resolveu nos presentear com revelações sobre o elenco do Flamengo, DO ANO PASSADO, de que fez parte. Nossa, quanta inteligência querer contar à todos que haviam alcoólatras no grupo UM ANO depois. Qual o sentido disso ?



Sara Carbonero, a belíssima namorada do goleiro do Real Madrid, Casillas.
Depois de dar declarações polêmicas em rede nacional sobre o atacante Cristiano Ronaldo colocando o namorado em uma saia justa, Casillas teve que ir a público para atestar que não conta a intimidade do elenco merengue à namorada, a reporter mais famosa da Espanha resolveu dizer que é torcedora do Atlético de Madrid. Precisa espalhar ? Quanto amor não ?

Tudo bem, admito, as vezes as pérolas nos rendem boas risadas.

Está tudo bem com a CBF ?!

"CBF confirma amistosos da seleção contra França e Alemanha em 2011"

Finalmente jogos de verdade.

Mesut Özil x Paulo Henrique Ganso.  Espetacular !

Segunda bola dentro da CBF, na mesma semana ! Um fenômeno raríssimo.

Giro pelo mundo[Champions League]

Grupo G

No duelo de gigantes, melhor para o Real Madrid.
Frente a frente estavam os dois maiores campeões da história da Liga. Nem a presença do técnico Mano Menezes na tribuna, fez com que os brasileiros do clube italiano brilhassem. Diante de um Cristiano Ronaldo inspirado e um Santiago Bernabéu abarrotado, o Milan foi presa fácil.

Com o resultado o Real praticamente se garante na próxima fase, já os rossoneros caíram para terceira posição do grupo. O seguno é o Ajax que venceu o Auxerre por 2x1.


Grupo H

O Arsenal segue passiando na Liga. Depois de golear o Braga por 6x0, foi a vez do Shakhtar(Ucrânia) sentir o poder de fogo do Arsenal de Arsene Wenger.
Destaque para a volta de Fàbregas, depois de um mês afastado por um lesão muscular.



Grupo F

Jogando para o gasto, o Chelsea venceu o Spartak Moscou por 2x0 e deixou bem encaminhada a classificação para a próxima fase, de quebra ainda exorcizou o "fantasma" de Luzhnik (Estádio da decisão da Champions de 2008, quando o Chelsea foi derrotado na final pelo rival Manchester United e perdeu a chance do título inédito. O jogo ficou marcado pelo escorregão do capitão dos Blues, John Terry na disputa por pênaltis.)



Pelo outro jogo do grupo, o Olympique de Marselha começa a dar mostras de recuperação também na Liga. Vitória sobre o Zilina pelo placar mínimo.




Grupo E

O Bayern Munich contou com uma "pequena" colaboração do adversário para assumir a liderança do grupo E. Pelo mesmo grupo o Roma perdeu mais uma e se complicou.




19 de out de 2010

Uma visão diferente

Após o clássico entre São Paulo e Santos no último fim-de-semana, Paulo César Carpeggiani disse algo que me chamou atenção em sua entrevista coletiva. Ao ser perguntado pelo jornalista sobre o esquema ofensivo que o treinador vem utilizando nesse início de trabalho no São Paulo, Carpeggiani respondeu: "Eu não tenho um esquema definido(4-4-2, 4-3-3...) eu tenho posicionamento"

Os números de um esquema não necessariamente te mostram como a equipe se comportará em campo. A proposta de jogo, ofensiva ou defensiva, para essa ou aquela partida especificamente determinará a postura da equipe. O treinador pode ter um 4-4-2 ofensivo escalando dois laterais que apoiem bem com dois meias de criação ou um 4-4-2 mais defensivo com uma linha de 4 zagueiros atrás.

Mas voltando ao assunto Carpeggiani, o que me chamou atenção foi o fato de o treinador fugir do convencional. Quase que em 100% das vezes que é perguntado sobre o esquema do seu time, um treinador responde da forma mais enfeitada possível: "Estávamos com um linha de quatro no meio campo e blá blá blá" "Optei por um 4-3-3 com dois homens bem abertos blá blá blá". Carpeggiani resumiu a forma de o São Paulo jogar com uma única palavra, posicionamento. "Eu os posiciono em campo com uma função específica e eles tem que executar" disse o treinador são paulino.

Incrível como temos mania de complicar o simples. Se todos tiverem disciplina no posicionamento e executarem suas funções corretamente, pouco importa o "desenho" em que o time fica distribuído em campo.
Claro que para tudo isso funcionar tem que haver uma relação de confiança e crença recíproca, o treinador tem que confiar e conhecer os jogadores para extrair o máximo de cada um, e os jogadores tem que ter total confiança na filosofia de trabalho do comandante da equipe.

A fórmula é simples, nós que complicamos.

Já deu

CBF pressionou e a CONMEBOL voltou atrás na decisão sobre G4.

Muito obrigado ?

Ambas não fizeram mais que a obrigação. Não se trata de um favor, e sim de justiça e respeito as regras e critérios pré-estabelecidos. Não se muda regras no meio da competição.

Se a CONMEBOL deseja a mudança na regra, que faça da maneira correta, sem politicagem, sem passar por cima de clubes e confederações.

Sem mais. O assunto "CONMEBOL" para este blogueiro, com o perdão da expressão, já deu no saco !

18 de out de 2010

ÉPICO



Partida simplesmente SENSACIONAL no Morumbi. Ritmo alucinante. Melhor partida do campeonato fácil, ao menos entre todas que eu pude acompanhar.
Duas equipes leves, ousadas, que buscaram a vitória a todo momento e que priorizaram o momento mais sublime do futebol, o gol - vamos para cima do adversário, não importa o que aconteça - foi o pensamento que reinou no San-São deste Domingo. Resultado : 5 gols em 20 minutos.

Clássico com todos os ingredientes de um grande jogo: gols, expulsão, lances polêmicos e um final apoteótico.

Vitória épica do Tricolor. O São Paulo de Carpegiani [o melhor "em campo"] é outro time, joga um futebol ofensivo, vertical e é mortal no contra-ataque.



O São Paulo está agora a seis pontos da Libertadores, difícil sim, mas em se tratando de São Paulo e depois de uma vitória como essa, alguém duvida ?

OBS: Lucas será a revelação do campeonato.

Giro pelo mundo

Como não pude acompanhar mais de perto a rodada deste fim-de-semana pelos campeonatos nacionais, o "Giro pelo mundo" de hoje será sem mais delongas, direto ao que interessa, bola na rede.

Pela La Liga, Real Madrid, com bela atuação de Cristiano Ronaldo, e Barcelona, com bela atuação de Xavi, venceram Málaga e Valencia respectivamente.
Os merengues lideram o campeonato com 17 pontos. Messi e cia estão logo atrás com 16.





Pela Calcio, o trio brasileiro, Pato, Robinho e Ronaldinho, recebeu Mano Menezes em grande estilo...


Ronaldinho vem aí...


Lazio, Inter e Juventus também venceram, com um toque verde e amarelo de...

Hernanes, il Profeta...


Philippe Coutinho...


e pasmem, Felipe Melo (!!!)...



Na Premier League o inferno astral do Liverpool parece não ter fim, como se já não bastasse o caos extra campo vivido recentemente, dentro dele as coisas não estão muito melhores...


O Manchester City venceu com dois gols de Tevez, que já é o artilheiro do campeonato.


No sábado, vitória do Arsenal e empates de Manchester United e Chelsea.




17 de out de 2010

A utopia corintiana

Fantoche: Espécie de boneco animado por uma pessoa, manipulado internamente.
Fonte:Wikipédia

Depois de alguns anos de tranquilidade, com títulos e ações de marketing espetaculares, que deram até mesmo visibilidade internacional ao clube, o Corinthians em uma semana andou 10 anos para trás e voltou a ser o que era, sinônimo de bagunça.

Andres Sanchez é o fantoche da vez, dança conforme a maior organizada do clube puxa as cordinhas, e ao fazer política com a arquibancada, arrasta o Corinthians à velha rotina de desordem, perturbação e vergonha.

A impressão que passa é que os recentes bons anos apenas taparam o "sol com a peneira", mascararam uma realidade que nunca mudou afinal.

Treinador demitido por pressão das arquibancadas, organizada com livre acesso aos jogadores para colocá-los contra a parede, torcida escalando, ou não, o time...

Está na hora dos administradores, se é que há algum, do Parque São Jorge repensarem seus conceitos, se quiserem que os próximos 100 anos sejam diferentes.

15 de out de 2010

É cada uma...

"Rafinha: promessa do Fla ‘made in CFZ’ se inspira em Neymar"

Não sei se rio ou me injurio com a notícia acima.
 
O Flamengo tem uma jóia em suas categorias de base. Fruto de uma parceria duramente criticada e que terminou todos já sabem como.
 
Muitos não vêem com bons olhos, dizem que o garoto está roubando o lugar de jogadores realmente formados nas categorias de base rubro-negra. (!)
 
Tenha santa paciência. 
 
Quero ver os mesmos reclamarem quando o garoto estiver comendo a bola com a camisa do Flamengo pelos gramados do Brasil.


13 de out de 2010

Giro pelo mundo[seleções]

Violência. Infelizmente esse foi o destaque da rodada das Eliminatórias da Euro 2012.
O vandalismo de radicais sérvios causou o adiamento da partida entre Itália x Sérvia. Mas como esse tipo de notícia não merece audiência aqui no De Olho no Lance vamos ao que realmente importa...

Pelo grupo I, a Espanha levou um susto, mas venceu a Escócia por 3x2 e se isolou na liderança do grupo com 9 pontos. Os tchecos aparecem em segundo com 6.
Destaque para o gol de David Villa que se igualou a Raúl como maior artilheiro da história da Fúria com 44 gols.



Cristiano Ronaldo marcou, Portugal venceu e Paulo Bento agradece. O novo comandante português venceu as duas partidas que disputou à frente do time da terrinha.
Portugal é o segundo do Grupo H com 7 pontos, o líder é a Noruega com 9.



Pelo grupo E, os vice campeões mundiais não tomaram conhecimento da Suécia de Ibrahimovic.
A Holanda é líder do grupo com 12 pontos, 100% de aproveitamento.


O que é aquele passe no primeiro gol da Holanda ? Sneijder continua jogando o fino.


No estádio Municipal Saint-Symphorien, em Metz, a França venceu Luxemburgo por 2x0 e assumiu a liderança do grupo D com 9 pontos. Ufa. Laurent Blanc agradece.



Com a presença ilustre de Mano Menezes, a Inglaterra não saiu do 0x0 diante da poderosa seleção de Montenegro. É bom Fabio Capello abrir o olho, porque o futebol aprensentado pelo English Team sobre seu comando é sofrível.



Mais uma vitória fácil, líder isolado do grupo A com 100% de aproveitamento.
Confesso que desde a Copa da África virei a casaca, a ponto de comprar a camisa, linda por sinal. É lindo ver a Alemanha de Joachim Löw em ação e no mínimo surpreendente ver o rápido amadurecimento de um jogador tão novo como Mesut Özil.
Özil é craque, e com apenas 22 anos é um jogador completo, tanto no aspecto técnico(inteligência e habilidade com a bola nos pés) quanto no aspecto emocional (personalidade para encarar qualquer situação de jogo). Vai brilhar em solo brasileiro em 2014 e é sério candidato ao posto de melhor do mundo nos próximos anos.



12 de out de 2010

Vida longa ao Mano

Vitória convincente da seleção brasileira, em um jogo onde o time de Mano Menezes conseguiu claramente impor a filosofia de trabalho do treinador, a imposição do estilo de jogo brasileiro. Em outras palavras, o Brasil jogou, o adversário assistiu.

Muita movimentação, toque de bola rápido, alternância dos lados na mesma jogada (o primeiro gol, lindo, é um exemplo claro disso), marcação na saída de bola do adversário e acima de tudo valorização da posse de bola. Mano conseguiu corrigir o problema de saída de bola da seleção que vimos na partida contra o Irã, muito embora a postura defensiva do time ucraniano tenha contribuído bastante nesse aspecto.

Outra observação importante que pôde ser notada nesses amistosos foi a comunicação dos jogadores dentro de campo, característica importante para qualquer time. Jogadores pedindo a aproximação dos companheiros, corrigindo erros de posicionamento etc.

Talvez tenha faltado apenas agredir um pouco mais, ser mais incisivo com a bola próxima da área adversária, converter a grande posse de bola em chances reais de gol. Nada que Mano não resolva em um ou dois treinos.

E contra o argumento de que o adversário era, digamos, técnicamente desfavorecido, eu pergunto: Quantas vezes nos últimos anos vimos a seleção brasileira suando para vencer equipes como esta ? Quando vencia.

Contra fatos não há argumentos.

Mais uma bela exibição da seleção versão Mano Menezes.

E olha que não teve Ganso e Neymar.

Vida longa ao Mano ! 


O futebol brasileiro agradece.

11 de out de 2010

Muita Cuca no lance

Faltando 9 rodadas para o fim, o Brasileirão tem um líder inédito. Cruzeiro, de Cuca.

O tão questionado Cuca é ótimo treinador, seus times jogam um futebol muito agradável de se ver, de toque de bola, vertical. Mas esse time em especial tem uma qualidade inédita, o pragmatismo.

A experiência leva a perfeição, ou ao menos o mais próximo possível dela. Cuca aprendeu com os erros, melhor para o Cruzeiro.

A tabela dos mineiros é complicadíssima, mas ao meu ver, a taça começa a ganhar tons de azul celeste.

Sem deixar de mencionar que a Raposa está "sem teto" neste Brasileirão, já que o Mineirão está fechado para reformas.


Me engana que eu gosto


Como não poderia deixar de ser, a rodada chega ao fim e temos um técnico a mais na fila do desemprego.
A diferença em relação aos demais ? Não foi demitido, pediu as contas. Justificou dizendo que sai para "não prejudicar o time na reta final”. O discurso em tons de resignação pode ser bonitinho mas não me pega.

Concordo que comandar à sombra de Mano Menezes não devia estar sendo tarefa das mais fáceis, muito mais em um time onde a maior organizada acha que é dona da instituição e tem tal pensamento com o aval de quem realmente comanda.

Como quase tudo que ronda o clube do Parque São Jorge nos últimos tempos, há muita coisa a ser mais bem explicada nessa saída repentina de Adilson Batista.

Fato é que Adilson está seguramente entre os 5 melhores treinadores do país. E quem, hoje, no mercado é melhor para assumir o Corinthians ? Ainda que outro grande nome assuma, o que ele pode fazer com meio time titular no departamento médico e meia dúzia de veteranos que não aguentam jogar 90 minutos que Adilson não tenha feito ?

Fato é que cenas como esta...


...que outrora eram rotina no Parque São Jorge, não são o desfecho sonhado, muito menos merecido, para o bando de loucos no ano do centenário.


8 de out de 2010

Útil ?


Devagar quase parando, assim foi a vitória brasileira sobre a seleção do Irã. O forte calor dos Emirados Árabes prejudicou bastante o ritmo do jogo principalmente para a seleção brasileira que conta com jogadores leves de muito toque de bola.

Sinceramente não sei até que ponto é válido um amistoso como esse, contra um adversário tão desqualificado. Serviu apenas para o técnico Mano Menezes observar o comportamento de alguns jogadores com a amarelinha e no máximo questões sobre posicionamento da equipe dentro de campo, porque em relação ao adversário, não colocou em prova a seleção brasileira em momento nenhum, seja no aspecto defensivo ou ofensivo.
Victor não viu a bola e o ataque brasileiro não fez um saco de gols porque não quis, e antes que me cobrem, a pressão dos 5 minutos iniciais não existiria se fosse um adversário mais qualificado, a postura brasileira seria outra.

Mas como diria o grande mestre Alberto Helena Jr. "Time quando está mal perde até pro vento", ao menos a vitória, que nunca é demais, traz confiança, principalmente para uma seleção em formação.

Além disso foi possível fazer observações interessantes em relação a filosofia de trabalho da nova seleção brasileira.
Mano Menezes passou o jogo todo tentando corrigir o problema de criação e saída de bola da seleção que estava a cargo da dupla de zaga Thiago Silva e David Luiz e do volante Lucas. Problema crônico da era Dunga, quantas vezes vimos o zagueiro Lúcio avançando tentando armar as jogadas ofensivas sempre que o Brasil enfrentava um time mais fechado ? ou Gilberto Silva sendo o principal responsável pela saída de bola da equipe ? ou Luis Fabiano e Robinho voltando até o meio de campo para buscar jogo ? Dunga nada fazia além de esperniar à beira do gramado.

Mais do que a mudança de esquema feita por Mano ao tirar Philippe Coutinho e lançar Elias, o que de fato melhorou a saída de bola da seleção, o importante é o pensamento do treinador, a busca por alternativas e soluções para corrigir o problema, a consciência de que criação é responsabilidade dos homens de meio campo e não da dupla de zaga.

Mano deixou claro com apenas dois amistosos que quer um time rápido, que toque bem a bola e gire-a com velociade. A receita certa para abrir os espaços em defesas mais fechadas. Exatamente como faz o Corinthians que Mano deixou prontinho para Adílson Batista.

Em relação aos jogadores o destaque positivo é Alexandre Pato, que fez boa partida e parece ter tomado conta da 9. Elias e Giuliano também estrearam bem.

[Simplesmente magistral a cobrança de falta de Daniel Alves.]




Segunda-feira o Brasil volta a campo para enfrentar a Ucrânia...

...e enquanto isso nossos vizinhos jogam com Espanha e Japão.


6 de out de 2010

Luxa, Zico e Henrique

A bola não rolou, mas nem por isso o dia foi menos movimentado no futebol brasileiro.

" Feliz no Fla, Luxa diz que vaga na Sul-Americana seria 'como um título' "

Mais uma vez o Flamengo está em destaque nos noticiários.
Vanderlei Luxemburgo é o novo treinador do rubro-negro. Chega em meio a um turbilhão extra-campo com a missão de afastar o time da zona do rebaixamento.
Vejo essa contratação da mesma forma que vejo a contratação de Dorival Jr. pelo Atlético-MG, bom para um, péssimo para o outro.
Ao sair do Atlético-MG, Luxemburgo respondeu aos que o chamam de decadente, afirmou que o futebol é muito dinâmico e que ele necessitava apenas de uma reciclagem, repensar seus conceitos de futebol. Estamos a três meses do fim do ano, essa era a hora de se auto reciclar e começar em um clube de forma organizada no ano que vem. Assumir o caos flamenguista agora é correr um enorme risco de mais um fracasso de proporções catastróficas visto que o time flerta perigosamente com a zona de descenso e o treinador mais vezes campeão brasileiro não encaixa um bom trabalho há algum tempo.
Já para o Flamengo é um risco, leia-se relação custo-benefício, necessário. Já que pelos lados da Gávea só técnicos de grife conseguem respaldo para trabalhar em paz. A aposta em treinadores emergentes definitivamente não é permitida no Fantástico Clube de Regatas do Flamengo.

" 'Não abandonei o barco. Eu fui chutado do barco', afirma Zico "

Zico falou pela primeira vez depois de toda a confusão que culminou com a sua saída do clube.
Duas coisas me chamaram atenção em sua entrevista:
Zico afirmou que a presidente Patrícia Amorim impediu sua defesa perante todas as acusações do presidente do conselho fiscal do Flamengo, Leonardo Ribeiro, e disse também que só volta a Gávea no cargo máximo, presidente.
Na época em que Zico assumiu o cargo, Patrícia Amorim ganhou todo o meu respeito e admiração. A presidente mostrava personalidade e dava mostras de que renovaria um clube precisado e comandaria com autoridade. 4 meses depois de fazer um "golaço", Patrícia Amorim acaba de levar cartão vermelho. Desceu do bonde da história que a conduzia à um final feliz. Seu nome sem dúvida será para sempre lembrado, apenas não da forma como ela, e todos os rubro-negros, desejavam.

Quanto ao Galinho na presidência, é o que chamamos de "dilema". O Flamengo não merece, os flamenguistas sim.


Cruzeiro x Atlético-PR
(Pequena análise atrasada)

Na última rodada do Brasileirão acompanhei a partida entre as sensações do segundo turno, e apesar do resultado de 0x0 foi um ótimo jogo na Arena do Jacaré.

Jogando no 4-5-1, o Atlético-PR entrou com uma proposta clara de contra atacar e levou muito perigo, principalmente nas descidas rápidas de Branquinho e nos lançamentos precisos de Paulo Baier.
O Cruzeiro por sua vez tomou a iniciativa mas faltou repertório ao time mineiro, insistia demais nas jogadas pela direita. Thiago Ribeiro bem aberto(quase como um ponta) Rômulo e Montillo(como tá jogando bola o argentino!) infernizaram o lado esquerdo da defesa paranaense.


Destaque também para o volante Henrique(foto). Joga demais o camisa 8 da Raposa, viu Mano ?


4 de out de 2010

Giro pelo mundo

Dia movimentado nas principais ligas do mundo.

Pela Premier League o Chelsea venceu o clássico diante do Arsenal com ótima participação dos brasileiros.
Ramires com boa atuação e Alex com um golaço ajudaram os Blues a abrirem vantagem na ponta da tabela já que o Manchester United não passou de um empate por 0x0 ontem com o Sunderland.


Infelizmente parece que o time de Arsene Wenger vai passar mais uma temporada sem conseguir fazer frente aos gigantes europeus. Ainda sim Fàbregas e cia é um dos times que mais atrai este blogueiro.


Uma vitória em seis jogos, esse é a campanha do Liverpool até aqui. Os Reds foram derrotados em casa pelo Blackpool por 2x1 na última rodada e vão dormir na zona de rebaixamento. Como se não bastasse Fernando Torres saiu de campo com dores e pode ficar fora do time por um tempo. Que fase...



O novo vice-líder é o Manchester City que venceu o Newcastle United por 2x1. Infelizmente o destaque do jogo foi uma entrada criminosa de De Jong no atacante Ben Arfa logo aos três minutos de partida, o atacante alvinegro foi levado imadiatamente ao hospital onde foi diagnosticada uma fratura na perna esquerda.



Pela liga espanhola o Real Madrid atropelou o La Coruña por 6x1.
O jogo teve um tom de desabafo por parte dos merengues em resposta às duras críticas que Mourinho e seus comandados vem recebendo da imprensa espanhola.

Parece que as reclamções de Mourinho surtiram efeito, depois de chamar o gramado do Santiago Bernabéu de "plantação de batatas", a diretoria providenciou um tapete para os merengues desfilarem diante da sua torcida.


Nem a festa montada para Lionel Messi e nem o golaço do argentino evitaram novo tropeço do Barcelona em pleno Camp Nou.
O Barcelona já é o quarto, o líder é o Valencia(16) seguido de Villarreal(15) e Real Madrid(14).



Pela Calcio, Hernanes continua fazendo a diferença. O ex-são paulino teve uma adaptação relâmpago e está jogando o fino da bola com a camisa do Lazio. Com a vitória de hoje o time da capital italiana assumiu a liderança da competição.



Inter de Milão x Juventus ficaram no 0x0.
A Vecchia Signora já da mostras de que fará novamente uma temporada para esquecer.
E apesar de ter mantido praticamente todos os jogadores do time titular, o Inter de Milão de Rafa Benítez está longe de ser o time letal e calculista que venceu tudo nas mãos de José Mourinho.



A péssima fase do Roma parece não ter fim. Nova derrota, desta vez para o Napoli com gol contra de Juan. O clube já é o penúltimo na tabela.



Pela Bundesliga, Bayer Leverkusen e Werder Bremen ficaram no empate e o Borussia Dortmund venceu o Bayern Munich.



Lucas Barrios tá fazendo gol atrás de gol na terra da cerveja.




Bom jogo também pelo campeonato Ucraniano.
O líder Shakhtar Donetsk venceu o vice-líder Dynamo Kiev e abriu boa vantagem na ponta da tabela.



1 de out de 2010

Rebaixamento extra-campo

4 meses foram suficientes para a bagunça e a falta de caráter de dirigentes que pouco se importam com a instituição Flamengo extirparem o maior ídolo da história do clube e consequentemente a melhor oportunidade rubro-negra de se tranformar em um CLUBE de futebol.
Zico sabia o risco que corria ao aceitar o cargo de diretor executivo do Flamengo, o risco de manchar uma imagem construída em um passado de glórias, ainda sim encarou o desafio simplesmente porque é flamenguista, porque ama o rubro-negro e tinha grandes planos, planos que sem dúvida elevariam o Flamengo à um novo patamar no futebol.
Porém os interesses de alguns, em detrimento do clube, parecem ser mais importantes, ao ponto de tudo ser feito para destruir projetos e sonhos, como acusações covardes e infundadas envolvendo inclusive a família do Galinho.

Infelizmente o Flamengo acaba de nos ensinar que rebaixamento não acontece apenas dentro de campo, um clube pode descer ao mais baixo nível fora dele com as pessoas "certas" no comando.

Mas aos olhos dos verdadeiros flamenguistas, a imagem de Zico continua intacta. Zico é, e sempre será o maior ídolo da história do Clube de Regatas do Flamengo, doa a quem doer.