"Além dos sinais externos que denunciam - cabelos brancos, cabelo nenhum, rugas, barriga, essas indignidades - as gerações se reconhecem pelos jogadores de futebol que se têm na memória"

Luis Fernando Veríssimo

3 de dez de 2010

2018 / 2022



A FIFA parece mesmo disposta a transformar o futebol na maior atração de entretenimento público nos quatro cantos do mundo. Depois do inédito mundial na África, Rússia e Qatar sediarão os mundiais subsequentes ao do Brasil.

As escolhas da FIFA deixam claro que a entidade deseja novos cenários e "mercados" para difundir o futebol. Além da divulgação do esporte nos países onde o mesmo não é tão popular, a entidade comandada por Joseph Blatter deseja locais onde o maior evento do futebol mundial comece do zero. Assim como no caso da África do Sul,  Rússia e Qatar foram escolhidas com nada mais do que projetos e maquetes.
Países que contam com uma infraestrutura praticamente pronta, não interessam, pois acabam assim com muitos interesses que rondam o futebol atual($). Foi aí que Espanha/ Portugal, Estados Unidos e Inglaterra viram suas chances de sediarem as Copas sumirem.

A frase "O futebol virou um grande negócio" já virou um clichê, embora seja a mais pura verdade. E com a decisão de hoje, os altos investimentos dos russos, que tiveram grandes times com a extinta União Soviética, e os "petrodólares" do Oriente Médio estão definitivamente no jogo.

7 comentários:

William disse...

A Fifa e a CBF só pensam em $$$$.
Fato!
O futebol está em quinto, sexto ou décimo plano.
Abraço

Luís Felipe Barreiros disse...

Essas escolhas foram claramente por conta do dinheiro e política. Porém, mesmo assim, acredito em uma boa Copa no Catar. Desconfio muito da Rússia...

Gostei muito do seu blog, aceita uma troca de links?

Abração e hoje tem entrevista exclusiva no blog!

Espero você lá,

Luís
porforadogramado.blogspot.com

Admsports disse...

Escolhas por dinheiro e política, porem a evolução populacional desses países é nítida, partindo do pressuposto de pluralização do esporte foram excelentes escolhas.
post no meu Blog também é sobre esse tema,interessando passa la!

www.admsports.blospot.com
@Admsport

Giovani Mattiollo disse...

Achei as duas candidaturas merecidas, venceram países já bem mais conhecidos no futebol, e acho que Qatar e Rússia vão fazer um ótimo trabalho.

http://gremista-sangueazul.blogspot.com/

Claudio Henrique disse...

E aí Luciano, blz.

Me surpreendi. Não esperava Rússia e Catar sediando copas. Tá certo que tem que explorar novos países e tal, mas convenhamos que a Inglaterra, Portugal, Espanha e Estados Unidos tinham muito mais estrutura e melhor preparo para sediar essas copas.

abraços!

http://wwwfanaticosporfutebol.blogspot.com/

Luci disse...

tá certo q rola muito dinheiro e muito interesse nisso tudo,
mas acho legal essa idéia de levar o futebol a outros lugares e torna-lo mais acessível a outras pessoas tbm

The scouter disse...

Essas escolhas foram claramente por conta do dinheiro e política. Money money money, pior que a canção dos pink floyd...

Mas a escolha do Qatar é bem vinda, faz falta um mundial naquelas paragens...Agora o da rússia soa muito a dinheiro sujo...corrupção feia.
Mas nada que não se espere da fifa.
A propósito, excelente blog, parabens!!