"Além dos sinais externos que denunciam - cabelos brancos, cabelo nenhum, rugas, barriga, essas indignidades - as gerações se reconhecem pelos jogadores de futebol que se têm na memória"

Luis Fernando Veríssimo

21 de dez de 2010

Time dos Sonhos

Época chata. Nada contece. A imprensa esportiva não tem nada para noticiar além de especulações, boatos, sondagens e leilões de jogadores.
Ah, tem também as boas e velhas notícias do tipo: "fulano de tal já está aqui ou acolá para passar as festas de fim de ano com a família". Anote todas elas e você terá um mapa completo dos jogadores e suas casas.
Ou ainda: "Amigos de fulano x Amigos de beltrano". Essas ao menos costumam ter um motivo nobre.

Geralmente a saída encontrada pela mídia, e até pelos blogueiros, são as tradicionais retrospectivas de todo o ano esportivo, que esse blogueiro em particular acha, com o perdão da expressão, um saco.

Como não pretendo fazer uma retrospectiva, afinal, o blog tem "arquivo", como não há nada para comentar e ninguém para cornetar, resolvi dividir com meus queridos leitores uma dica de leitura para os que apreciam um bom livro.
Trata-se de "Time dos Sonhos - Paixão, Poesia e Futebol" de Luis Fernando Verissimo.
Um livro de crônicas desse gênio das letras, simplesmente sensacional. Uma leitura leve, gostosa e bem humorada. Ótima pedida até para presentear seu amigo blogueiro neste Natal !


Sinopse:

'Time dos Sonhos' é diversão garantida, cortesia do maior craque do humor brasileiro.Em uma das crônicas reunidas aqui, Luis Fernando Verissimo fala de mais uma criação memorável sua, o Marciano Hipotético. O alienígena visita a Terra de tempos em tempos e costuma ficar perplexo com o que vê. Ao lermos os textos de Verissimo, nos sentimos um pouco como o Marciano. Isso acontece por que o autor tem o dom de nos surpreender sempre, mostrando o mundo de ângulos inusitados.Neste livro, ele lança seu olhar astuto sobre o universo futebolístico, tão caro a nós brasileiros. Com o seu texto enxuto e elegante, ele examina os paradoxos do esporte, que vai do épico ao mundano no tempo de duração de um passe. Algumas crônicas nos colocam para pensar, como a que afirma que o futebol é uma mistura de xadrez com boxe. Outras nos arrancam risos, como a que abre o livro, sobre um coração que vai parar na Copa do Mundo. A maioria delas provoca as duas reações. 


"Só o futebol permite que você sinta aos 60 anos exatamente o que sentia aos 6. Todas as outras paixões infantis ou ficam sérias ou desaparecem"
Luis Fernando Verissimo

7 comentários:

Gabriel Campi disse...

Fiquei bastante curioso com este livro. Para todos que gostam de uma boa leitura e de futebol, é claro.

Abraços!

www.blogfutebolnaveia.blogspot.com

William disse...

Veríssimo é genial em suas crônicas.
Lembro também um gênio, que era torcedor do Fluminense. De gênio eu não tenho nada, mas sou Fluzão, como Nelson.
Vale a pena ler coisas sobre os dois.
Veríssimo e Nelson Rodrigues.

Abraço

FuteB.R.O.N.C.A.! disse...

Esta última frase do gênio resume toda sua obra. E o futebol talvez seja um dos poucos monumentos sociais que possibilitem realmente viver os 6 e os 60 anos da mesma maneira.

Vou colocar no meu acervo, certamente.

Saudações!!!

Giovani Mattiollo disse...

E ai Luciano,blz

Esse deve conhecer muuito do assunto heim. E que fase essa última. Se tivesse oportunidade, gostaria de dar uma olhada nesse livro.

Abraço

http://gremista-sangueazul.blogspot.com

Kaique Pedaes disse...

Olá, tudo bem? Não quero falar muito. Sou do blog www.net-esportes.blogspot.com e

ele vai abrir as inscrições para o Bolão da Libertadores de 2011. Se você quiser

participar, segue o link:

http://net-esportes.blogspot.com/2010/12/bolao-da-libertadores-2011.html. E se

você quiser fazer parceria conosco, caso ainda não seja nosso parceiro, deixa um

recado lá também. NOTA: Estamos procurando colunistas. Você aceita colaborar

conosco? (obs. e-mail: kaique.pedaes@r7.com; deixa um recado no blog tbm).Abraço!

MaKaCoW disse...

"Ótima pedida até para presentear seu amigo blogueiro neste Natal !"
Isso foi uma indireta??? :D

Í.ta** disse...

muito legal, cara.

também postei sobre este livro lá no rabiscos :)

abração!