"Além dos sinais externos que denunciam - cabelos brancos, cabelo nenhum, rugas, barriga, essas indignidades - as gerações se reconhecem pelos jogadores de futebol que se têm na memória"

Luis Fernando Veríssimo

19 de mai de 2011

As facetas curiosas do futebol


O futebol é realmente recheado de paradoxos. Um esporte coletivo onde o time com mais volume de jogo e presença ofensiva nem sempre vence ou cria as melhores oportunidades. O duelo da "terceira idade " desta quarta-feira - ótimo jogo diga-se - retrata bem esse situação inusitada, digamos assim.

O Ceará dominou as ações, teve muito mais presença ofensiva - não tenho os números oficiais mas deve ter tido muito mais posse de bola - e ainda assim Fernando Henrique[foto] trabalhou muito mais - garantiu o placar inclusive - do que Edson Bastos.


Pode-se traduzir o duelo como velocidade x cadência, mas curiosmente as desvantagens de ambas as propostas prevaleceram, muito por conta do baixo rendimento de peças importantes das duas equipes, Thiago Humberto pelo Ceará e Davi pelo Coritiba, como também pela qualidade do jogo adversário.

O vovô, cearense, por jogar em casa e precisar fazer o resultado tinha maior volume de jogo, trabalhava bem pelos lados do campo, principalmente pela direita com o apoio constante de Diego Macedo, mas a cadência exagerada dava ao Coritiba tempo para recompor seu setor defensivo forçando o Ceará a buscar sempre o jogo aéreo, que embora seja uma qualidade do time, foi pouco eficiente esta noite.

Do outro lado, o Coritiba pensava apenas em imprimir velocidade nos contra golpes e se esquecia de suas maiores virtudes, o jogo coletivo e o toque de bola refinado, que os mais entusiasmados chegam a comparar ao Barcelona - menos minha gente, bem menos - . Ao abrir mão de suas características, o time paranaense abriu mão também da posse de bola, e sem a bola não se ganha jogo.

Mas engana-se quem pensa que as curiosidades acabaram. Curiosamente - perdoem a repetição - o jogo começou a dar mais certo para ambos os times quando ambos os técnicos inverteram suas propostas de jogo.


Vagner Mancini substituiu Iarley e Thiago Humberto por Oswaldo e Marcelo Nicácio[foto], o time ganhou em velocidade, passou a atacar de forma mais aguda e cresceu na partida. Porém, quem lança seu time ao ataque fatalmente deixará espaços na retaguarda e correrá riscos. Marcelo Oliveira percebendo a situação sacou Davi, um velocista que carrega o time ao ataque, e mandou à campo Tcheco, que segura bem a bola, preenche o meio de campo e da profundidade ao time, em outras palavras; faz a bola correr.

A partir daí o jogo melhorou ainda mais, os dois times buscaram o gol, que curiosamente não saiu.
Aí fica a pergunta: melhor para o vovô cearense que empatou sem levar gols em casa, ou para o vovô paranaense, que agora decide a vaga diante de sua torcida ?

Em suma, Ceará e Coritiba conseguiram fazer um grande jogo com um o pior placar existente no futebol. Curioso, não ?!

Ah sim, não podemos esquecer de mencionar, na partida de hoje ambos os técnicos acertaram em suas ações, assim como o árbitro Leandro Pedro Vuaden, mas isso não é curioso, e sim espantoso.

9 comentários:

MaKaCoW disse...

Desculpa ceara mas o coxa jpgandp em casa eh outro nivel

Doug_Koti disse...

Na Copa do Brasil, sendo um torneio mata-mata, acho mto interessante a postura q cada time entra em campo, com uma proposta dependendo das condições de cada jogo.
Nesse Ceara x Coritiba vi um Ceara com mais posse, mais presença ofensiva mas concluiu a gol menos q o Coritiba, q se fechou e jogou nos contra-ataques criando na minha opinião as melhores chances de gol. Acredito q o fato de não ter levado gols em casa foi bom para o Ceara pois sabe que em Curitiba o Coxa vai vir pra cima como eh a característica desse time muito forte jogando no Couto Pereira.
Fim de semana tem a 1* rodada do Brasileirao, será q os times vão poupar jogadores pensando na decisão do meio de semana??? Em 2009 o Coxa perdeu pontos importantes no começo do Brasileiro em função da Copa do Brasil e acabou rebaixado.
Ainda bem que não sou técnico para ter que resolver isso.

CÉLIO AQUINO disse...

ECELENTE BLOG O SEU , QUE TAL U,A TROCA DE PARCERIA , JÁ COLOQUEI O LINK DO SEU NO MEU BLOG SE TIVER INTERESSE COLOCA UM LINK DO MEU
www.blogdotorcedor.blogspot.com

Cleber Soares disse...

Luciano,
o futebol é emocionante por isso, nem sempre o melhor ganha. O futebol parece ter sido inventado para colocar em prova a ciência "mais perfeita" que temos conhecimento, a matemática, rsrsrsrs. Mas em Curitiba o coxa deve ficar coma vaga...

BLOG DO CLEBER SOARES
www.clebersoares.blogspot.com

Anônimo disse...

Não sei como o Palmeiras pode perder de 6 ¬¬

Camila disse...

Aii Lú,
Postei anônimo sem querer huahuahau

Não sei como o Palmeiras conseguiu perder de 6 ¬¬

David J. Pereira disse...

Gosto deste blogue!

Podes adicionar o meu aos links sff?

http://davidjosepereira.blogspot.com/

Doug_Koti disse...

Palmeiras perdeu de 6 pq subestimou o futebol paranaense. Fala demais morde a língua #chupafelipao ahahaha

Gol de Mão disse...

Difícil imaginar que essas duas equipes estariam disputando uma semi-final. Acho que o Coritiba vai passar dessa fase.

O Blog Gol de Mão concorre a melhor blog de Esportes no Top Blog. Votem em nós!!

Equipe Blog Gol de Mão
www.bloggoldemao.blogspot.com